Descubra os acontecimentos da sinopse original de “Amor à Vida” que foram alterados pelo autor

Mateus-Solano-de-Félix

Félix poderia morrer em “Amor à Vida”

A fase de criação de uma novela, inicia-se na sinospe, um ‘resumo-geral’ da história, que, normalmente é entregue à emissora com mais ou menos um ano antes de sua estreia.

Quando a novela estreia, no entanto é comum que alguns autores mudem o rumo de alguns dos personagens, de acordo com o gosto do público, aumentando, por exemplo, a participação dos personagens bem aceitos e, diminuindo, ou até mesmo retirando da trama, os que não agradaram.

Em “Amor à Vida”, por exemplo, o vilão Félix (Mateus Solano), parece ter sido ‘salvo’ por sua simpatia junto ao público. De acordo com a colunista Keila Jimenez, o autor Walcyr Carrasco havia determinado em sua sinopse original que Félix descobriria, por volta do capítulo 100 do folhetim, possuir uma grave doença e que essa descoberta poderia afetar seu caráter e destino.

Até mesmo a morte do filho de César era algo provável, mas sua alta popularidade acabou com toda e qualquer possibilidade de que isso acontecesse e Walcyr optou por manter sua saúde intacta.

A sinopse de “Amor à Vida” ainda sofreu outras mudanças significativas, como a morte de Nicole (Marina Ruy Barbosa), que a princípio sobreviveria ao câncer, o adiamento da morte de César (Antonio Fagundes) e o cancelamento da conversão de Valdirene, que na ideia original do autor se tornaria evangélica.