Com baixa audiência, “Sangue Bom” é encurtada pela Globo

Sangue Bom

A trama não caiu no gosto do público

Autora de sucessos como “Anjo Mau” (1997),  “A Casa das Sete Mulheres” (2003) e “Ti Ti Ti” (2010), Maria Adelaide Amaral não conseguiu emplacar “Sangue Bom”, que segue em baixa.

Escrita em parceria com Vincent Villari, a trama conseguiu elevar os índices de sua antecessora, “Guerra dos Sexos” ~ que detém o título de pior audiência da faixa ~ mas está longe de ter os números desejados pela Globo.

Com uma trama jovial e dinâmica, “Sangue Bom” acumula uma média-parcial de 24.52 pontos, uma distância muito pequena em relação à “Flor do Caribe”, atual novela das 18h, da emissora. Aliás, a trama de Maria Adelaide e Vincent perde para as antecessoras “Cheias de Charme” e “Aquele Beijo”.

Devido à péssimos índices, e baixa repercussão do folhetim, a Globo resolveu encurtá-la. De acordo com Keila Jimenez (Folha), “Sangue Bom” terminaria no dia 15 de novembro, mas terá seu último capítulo antecipado para o dia  do mesmo mês.

A data ilustra a decepção da emissora com a novela, que estreou cercada de expectativa e chegou a estar cotada para terminar somente em janeiro. Caso mantenha sua média-geral na casa dos 24 ou 25 pontos, “Sangue Bom” pode terminar como uma das menores audiências da história da faixa das 19h.