Walcyr Carrasco pode ‘matar’ Nicole, em “Amor à Vida”, diz jornal

MARIRUY

Marina se ‘queimou’ com Walcyr

O autor Walcyr Carrasco perdeu a ‘queda de braço’ com Marina Ruy Barbosa e teve que mudar a história de sua personagem, Nicole, que rasparia o cabelo por conta do tratamento contra o câncer. De acordo com o jornal “Extra”, o dramaturgo pode matar para ‘castigar’ a atriz que teria se comprometido a raspar a cabeça se necessário, quando foi convidada para a trama.

Walcyr foi informado por meio do diretor de entretenimento da Globo, Manoel Martins, que Marina não cortaria o cabelo.  A emissora teria aconselhado o autor a explicar que havia sido ‘o pedido dos telespectadores’ que o fez mudar a história.

Nos bastidores da trama, fala-se que Nicole morrerá na trama, o que não era previsto na sinopse inicial, que dizia que a ruiva passaria por um tratamento experimental e se curaria. O autor se comprometeu a não matar a personagem, mas, assim como Marina, pode mudar de ideia. Fala-se também que a personagem, pode voltar após a morte, como espírito, para assombrar Leila (Fernanda Machado) e Thales (Ricardo Tozzi).

CASTIGO DE CARRASCO

Quem acompanha a carreira de Walcyr Carrasco, sabe muito bem que ele não perdoa deslize de atores. Em 2003, na novela “Chocolate com Pimenta”, o autor ficou incomodado com alguns improvisos de Elizabeth Savalla, e deixou sua personagem, Jezebel, muda por vários capítulos. O autor não gosta que os atores improvisem e acha que os mesmos devem seguir seu texto a risca.