Substituta de “Sangue Bom” já tem título provisório; Bruna Marquezine é cotada para protagonizar a trama

bruna-marquezine-e-lurdinha-em-salve-jorge-1350578989318_1024x768

Bruna Marquezine é cotada para duas produções.

A Globo ainda não se decidiu quanto a duração de “Sangue Bom”. Há duas hipóteses com que a emissora  vem trabalhando: leva-la ao ar até novembro, como era previsto inicialmente, ou estica-la até janeiro, para evitar que sua sucessora enfrente os mesmos problemas que “Guerra dos Sexos” sofreu, como horário de verão, festas de fim de ano e forte calor. Uma posição a cerca disto será discutida até novembro.

Esticada ou não, a emissora já trabalha na trama que substituirá o folhetim de Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari. Desta vez caberá à dupla Marcos Bernstein e Carlos Gregório escrever a novela que ocupará a faixa das 19h, que terá direção de Ricardo Waddington e supervisão de texto de João Emanuel Carneiro.

Ao optar pela dupla, a Globo mostra-se empenhada a lançar novos autores em trabalhos solos. Como foi o caso de Lícia Manzo em “A Vida da Gente”, Filipe Miguez e Isabel de Oliveira em “Cheias de Charme” e, mais recentemente, João Ximenes Braga e Claudia Lage em “Lado a Lado”.

Voltando à substituta de “Sangue Bom”, já se sabe alguns detalhes. A trama recebeu título provisório de “Além do Horizonte” e já há uma protagonista escolhida pela dupla: Bruna Marquezine. Porém, não há nada definido, pois como se sabe, a atriz foi reservada para viver a Helena jovem, em “Em Família”, de Manoel Carlos. “Além do Horizonte” será recheada de aventura e comédia romântica.

Anúncios